Por que eu escuto… Marina and the Diamonds!

marina morena

Hello!

Fazia tempo que não postava nada na nossa parte musical e eu pensei: bem que eu deveria fazer uma série de postagens sobre o que eu curto ouvir. Essa série se chamará “Por que eu escuto”, e quem vai estreá-la é uma das minhas cantoras favoritas, Marina and the Diamonds.

Biografia: Marina nasceu em 10 de outubro de 1985, em Abergavenny, no País de Gales ( Reino Unido). Descendente de gregos, seu nome “verdadeiro” é Marina Lambrini Diamandis, de onde ela tirou inspiração para seu nome artístico. Dona de uma voz poderosa e bem diferente do que se ouve por aí, ela ficou em segundo lugar num concurso da BBC em 2010, atrás de Ellie Goulding. Ela lançou primeiramente um EP.    marina gif pq eu quero marina

Em 2009, a jovem cantora lançou o EP ‘The Crown Jewels’. A voz marcante de Marina & The Diamonds recebeu comparações com cantoras contemporâneas, como Kate Nash e Florence + The Machine.Em 2010, Marina & The Diamonds foi apontada como uma das promessas da música pop. A jovem cantora lançou o seu primeiro álbum, intitulado ‘The Family Jewels’, e marcou presença em diversos festivais europeus. ‘Electra Heart’, o segundo álbum, saiu em 2012. Este ano, ela lança Froot, em março. (Fonte: http://www.muzplay.net/musica/marina-the-diamonds).

marina froot
O novo disco dela, “Froot”, que será oficialmente lançado neste mês de março.

Como Marina entrou na minha vida: 

Tudo começou acho que em 2012 (ou foi 2013?), quando ainda assistia à Glee e soube que fariam um número da canção How to be a heartbreaker, da Marina and the Diamonds. Acho que o nome da música me chamou a atenção, ou foi coisa do destino mesmo rsrsrs, mas a verdade é que fui atrás e acabei ouvindo praticamente tudo dela, baixando trocentas músicas e já a colocando no topo dos meus artistas preferidos.

A primeira coisa que me encantou logo de cara foi a força artística dela. Marina tem uma voz potente, marcante, é compositora e suas músicas sempre me parecem diferentes entre si. Ela manda bem em baladas, sejam acústicas, sejam marina froot 2com pegada eletrônica; toca piano, é carismática, bonita mas não naqueles padrões óbvios, tem opinião forte e seus trabalhos mostram uma sensibilidade e “uma algo mais” que me encanta. Não sou muito de escutar pop em geral, mas ela me parece diferente das demais cantoras que há por aí.

Músicas da Marina que eu amo: 

How to be a heartbreaker

Aqui, onde tudo começou, o que mais eu adoro no clipe é o fato de ela fazer os rapazes virarem objeto de desejo de quem assiste ( algo que é sempre feito com as mulheres).

Numb

Uma balada linda, melancólica, de alguém que se encontra em busca de sair de um entorpecimento.

Shampain

O clima oitentista do clipe, da letra e da sonoridade desta música são demais!

Starring a role

A versão acústica dessa música não é recomendada para quem está sofrendo não, hein? Que versão linda! Aliás, adoro as versões acústicas da Marina.

Happy

Esta também é uma versão acústica (e linda-maravilhosa), sendo que é do novo CD dela a ser lançado agora em março.

Lies

Marina e sua capacidade de estraçalhar com uma balada…

Buy the stars

Você continua comprando estrelas
E você poderia comprar todas elas
Mas não mudaria quem você é
Você continua vivendo na escuridão”

Space and the woods

Provando que é dinâmica, Marina ataca com um punk-rock de grife britânica ( ou seja, a melhor).

State of Dreaming

Amo demais! Começa lentinha e depois vai agitando até a gente cantar junto.

Hollywood

Marina critica o “american dream” e ainda manda um recado bem claro para quem compará-la a quem quer que seja:

“Oh my god, you look just like Shakira

No no, you’re Catherine Zeta”

Actually, my name’s Marina”

marina gif 1

E aí, já dá para ter vontade de escutar esta cantora maravilhosa? marina immortal

Anúncios

6 comentários sobre “Por que eu escuto… Marina and the Diamonds!

  1. Ah, eu amo a Marina, muito mesmo! O novo álbum dela ta divino, e tô apaixonada por ”happy” e ”immortal” ❤ Acho o som dela muito parecido com a Lana Del Rey, sabe?! Adorei seu blog, moça 😀 (muito difícil achar blogs literarios na plataforma do word, a maioria tá no blogspot, infelizmente T-T
    Um beijo!

    Curtir

  2. Oi, Karla. Nunca ouvi nenhuma música da Marina, a não ser Primadonna. Como eu nunca gostei muito desse estilo de música, raramente, paro para ouvir. E, gente, eu nem sabia que How To Be A Heartbreaker é dela! A minha burrice musical é tanta que achei que fosse do Justin Bieber (ju-ro!). Mas lembro que nem gostei dessa música em Glee. Acho que é porque não ia com a cara do Brody, e foi ele quem a cantou, né? Algo assim. Anyway. Gostei da coluna! Vou ficar de olho nas próximas postagens!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s